Página Inicial
O Festival de Teatro de Guaçuí
A História do Festival
Papéis de parede e uma proteção de tela com fotos do Festival 2004 para você personalizar seu computador!
Veja aqui a programação do FESTGUAÇUÍ 2006
Fotos de espetáculos e notícias atualizadas do Grupo Gota, Pó e Poeira

Entre em contato com a produção do Festival

 

Com participação de aproximadamente 150 artistas, entre atores e técnicos, oriundos de seis estados - Paraíba, Pernambuco, Minas Gerais, Espírito Santo, São Paulo e Rio de Janeiro, e com quinze espetáculos diferentes entre adultos, infantis e de rua, o Teatro Fernando Torres e praças serviram de palco para o VI Festival Nacional de Teatro de Guaçuí, que este ano teve destaque nos autores consagrados da dramaturgia.

De Pernambuco veio "A Namorada dos Três Porquinhos", que levou o prêmio de Melhor Espetáculo Infantil tanto do júri popular quanto do oficial. E ainda foram premiados com seu elenco e direção.

A Paraíba se fez presente com "Diário de um louco", um clássico da dramaturgia mundial, e faturou o prêmio da Fundação Carla Augusta de Cultura, bem como melhor ator e direção, respectivamente André Morais e Jorge Bweres, entre outros prêmios na categoria adulto-palco. A peça foi encenada pelo Grupo Bigorna.

São Paulo, com a Cia. Paulista de Artes de Jundiaí, saiu como o grande vencedor do festival. Além de vencer pelo júri oficial e pelo júri popular com o belo traba lho "Jogos na Hora da Sesta", na categoria adulto-palco, ainda levou a melhor no teatro de rua, com "Cobrindo a Megera, de Olho na Fera". O espetáculo ainda teve a melhor atriz - Aline Volpi, e os seus coadjuvantes premiados.

As peças capixabas também marcaram presença. "O Estranho e o Cavaleiro", recebeu o prêmio de melhor figurino, além de sete indicações; já o ator Ednardo Pinheiro, de "Os Coveiros", foi aclamado pelo júri e recebeu um prêmio especial pela sua brilhante atuação. O Grupo Ela de Teatro, de Cachoeiro, com "O Mágico de Oz" teve dois prêmios na categoria infantil - Maquiagem e Figurino; e o Gat, com "A Proposta", recebeu indicações de melhor ator e melhor ator coadjuvante no teatro de rua. Também houve a participação de "Branca de Neve e os Três Porquinhos", de Cariacica, e "Sonhos", da cidade de Mantenópolis.

Já os espetáculos do Rio de Janeiro, deram um brilho especial ao festival. O "Auto do Trabalhador", de Angra dos Reis, foi reconhecido pelo júri popular, sendo eleito o melhor dos espetáculos da rua, além do recebimento de outros prêmios. A peça "É folclore sim sinhô", marcou presença com sua pesquisa, suas danças, a alegria do elenco e seu belo figurino; e "A Corte dos Livros", de Nova Iguaçu, teve destaque em seu cenário, iluminação e atriz coadjuvante.

De Minas veio o Grupo Experimental de Pouso Alegre, com os divertidos espetáculos "A Saga Amorosa dos Amantes Píramo e Tisbe", com premiação para o melhor ator coadjuvante de rua; e "Revolução na América do Sul", com prêmio de melhor maquiagem.

Para conhecer e ver fotos de todos os espetáculos premiados, clique aqui!

A comissão organizadora considerou que o festival alcançou os seus objetivos de troca de experiência, intercâmbio entre os grupos e formação de platéia, oferecendo espetáculos diferenciados e de qualidade. Ressaltou ainda a presença da professora Helena Varvak, da Funarte - Rio de Janeiro, que ministrou oficina dentro do Projeto "Laboratório do Ator", engrandecendo ainda mais o festival. O próximo festival já tem data definida - de 15 a 19 de novembro de 2006.

Clique para ir para o topo da página Clique para voltar para a página anterior

O FESTIVAL ::: HISTÓRICO ::: INSCRIÇÕES ::: PROGRAMAÇÃO ::: FALE CONOSCO ::: ADICIONE AO MENU FAVORITOS

© 2004 Festival de Teatro de Guaçuí. Todos os direitos reservados.
Criação e Desenvolvimento Fabricio Moraes Cunha